domingo, 5 de agosto de 2012

Como fazer um desidratador solar!


O Desidratador solar de frutas é feito de caixa de isopo/esferovite
 e vidro temperado reciclado de fogão, que fica encima da caixa e abaixo das frutas em uma tela de metal, como churrasqueira.

Veja bem, sugeri este formato (retangular) e material (isopor/ esferovite), porque tive facilidade de consegui-lo. Você terá que adaptá-lo de acordo com a sua disponibilidade de material. O importante não é os detalhes do tipo material e encaixes “perfeitos”, mas sim entender o principio da coisa, daí então as possibilidades são ilimitadas. Por exemplo, tem que haver dois furos na caixa, um na parte mais baixa para entrada do ar frio e outro na parte superior para a saída do ar que aqueceu no interior da caixa. 

Quando a caixa estiver funcionando terá que ficar voltada para o sol e sempre numa inclinação para que o líquido escorra pelo vidro e não volte para a fruta que esta sendo desidratada. É muito importante colocar uma tela, tipo mosquiteiro para evitar a entrada de insectos, tanto na entrada como na saída da caixa. A grade que usei é a “sobra” utilizada pela Casa da Moeda, pode-se utilizar qualquer tipo de grade, desde que as frutas na caiam ou impeça a circulação de ar no interior da caixa. Antes de sair replicando este projeto faça um protótipo para pegar o jeito e desvendar os “mistérios”.
Dúvidas irão surgir, mas o melhor jeito de aprender é fazendo e observando os erros. Sugiro que comece desidratando bananas, pois é uma das fruta mais fácil para desidratar.
Fonte: Portalpaisagismo 


PREPARO DE ALGUMAS FRUTAS PARA DESIDRATAÇÃO

Abacaxi/Ananas

Descasque e corte a fruta em rodelas de aproximadamente 1 cm de espessura. Retire o miolo com um vazador. Corte as fatias em três ou quatro pedaços iguais e coloque no secador. Desidrate os miolos separadamente. Você pode fazer o vazador com um tubo de PVC de 1 ou 1 ½ polegada, lixando uma das extremidades para torná-lo cortante.

Banana

A banana que melhor responde à secagem é a banan-nanica. Corte-a ao meio nos dois sentidos para facilitar a secagem, mas ela pode ser desidratada inteira. A banana-ouro, por ser pequena, não precisa ser cortada. A banana-da-terra e a bananada madeira também podem ser desidratadas, mas devem ser cortadas em rodelas.

Diospiro/Caqui

Corte ao meio ou em quatro partes. Seque com a face cortada virada para cima. Retire uma parte da casca para facilitar a secagem. A fruta deve estar semi madura. Você também pode bater o diospiro/caqui no liquidificador, formando uma pasta bem grossa, e colocá-lo no secador em uma assadeira.

Maçã

Descasque a fruta, corte em quatro partes ou em rodelas finas. As cascas podem ser desidratas à parte e servem para fazer chá, colocadas em granola ou transformadas em pó. Mas só use a casca se a maçã for orgânica.


Manga

Corte a fruta em fatias, no sentido mais largo da polpa, e divida em patês iguais. As cascas também podem ser desidratadas, como as da maçã.
Uva

Lave bem as uvas, retire-as do cacho, mergulhe em meio litro de água com suco de um limão. Dê preferência a uva sem sementes.

Legumes

Os legumes que crescem sob a terra, como beterraba, cenoura, nabo e batatas em geral, precisam ser descascados. Os aéreos, como jiló, chuchu, pepino, tomate e beringela, podem ser preparados com casca. Todos devem ser cortados em rodelas finas ou em palitos.

USO DE ALIMENTOS DESIDRATADOS

Os alimentos desidratados podem ser transformados em pó e adicionados a sopas, caldos e mingaus. Em forma granulada, podem ser cozidos com arroz ou outros cereais.
Em pó ou em pedaços, podem ser usados como ingredientes de pães, bolos e biscoitos.
As frutas desidratadas podem ser ingeridas em pedaços, cruas. Devem ser bem mastigadas, para que se re-hidratem na boca.


Texto adaptado do Boletim de Sinais n°. 13, maio a agosto de 2002.

Fica aqui outros modelos:
http://www.abae.pt/store/docs/sun_cook_presentation_v3.6pee.pdf

http://leitedaterra.blogspot.pt/2012/07/vamos-aproveitar-energia-do-sol-parte-i.html

Sem comentários:

Direitos do Leite da terra

Todos os direitos reservados. Nenhuma parte poderá ser reproduzida, de forma alguma, sem a permissão formal por escrito do seu autor, excepto as citações incorporadas em artigos e ou postes com os devidos créditos