segunda-feira, 8 de junho de 2009

Pão cru de trigo sarraceno

Trigo sarraceno -

A receita é longa e tem muitos passos, mas é muito fácil de fazer, confiem em mim!

Fase - Germinar e desidratar o trigo sarraceno

Eu faço grandes quantidades e guardo num recipiente hermético, mantendo-se fresco por 4-6 meses. Uso para fazer pães, bolos, bolachas, muelis crus.

Ingredientes: 10 chávenas de trigo sarraceno + 20 chávenas de água.Demolhar o trigo sarraceno durante a noite na água. De manhã lavar e escorrer bem (passar por umas 3 águas). Deixar a germinar durante 1 dia. Não é necessário nenhum equipamento especial para germinar porque o trigo sarraceno germina muito facilmente.

No dia seguinte, lavar e escorrer mais uma vez e espalhar uma camada fina do trigo sarraceno nos tabuleiros do teu desidratador (ou forno a temperatura de 43º, desde que o forno tenha ventoinha incorporada).

Desidratar por por 6 horas, ou até ficar seco e crocante.

2ª fase - Pão

Ingredientes: 2 chávenas de sarraceno germinado e desidratado+ 2 chávenas de água, sal a gosto (embora não use muito sal na cozinha, achei importante por uma boa quantidade de sal neste pão, para cobrir o gosto forte do trigo sarraceno), ervas a gosto (eu uso muito Herbes de Provence). O pão deve ter 2-3 com de altura.

Misturar todos os ingredientes, levar ao desidratador ou forno por cerca de 4 horas, depois virar o pão e desidratar por mais 2-4 horas, consoante a consistência desejada.

As quantidades de água podem variar dependendo do conteúdo de água do trigo que usares. O importante é obter uma massa fofa, tipo pão, e que não cole.

Mantém-se por 1-4 semanas no frigorífico consoante o grau de desidratação. Pode-se sempre voltar a aquecer um pouquinho, se não se quiser pão frio!

O melhor mesmo é comer de imediato, quentinho. Mmmmmm..

Esta é a receita base. Depois podes dar asas à imaginação e criar todo o tipo de pães que quiseres: com sementes, azeitonas cortadas em rodelas, tomate seco, alho, cebola, etc.

Pode servir para base de pizza, basta fazer uma massa mais fininha e desidratar por menos tempo.

Bom proveito e digam-me como vão correndo as vossas experimentações culinárias. Podemos aprender muito uns com os outros!

2 comentários:

Anónimo disse...

Muito obrigada pela receita, vou fazer e depois comento.
Luara

Anónimo disse...

Olá!
Pode apresentar uma foto do pão p.f.
Obgada

Direitos do Leite da terra

Todos os direitos reservados. Nenhuma parte poderá ser reproduzida, de forma alguma, sem a permissão formal por escrito do seu autor, excepto as citações incorporadas em artigos e ou postes com os devidos créditos